Homem no meio de uma enxurrada de inovação

Pipeline de inovação: aprenda a construir o seu

O pipeline de inovação começa na criação da visão de futuro da empresa e na elaboração de sua estratégia de inovação. Desde que seja meticulosamente estruturado, seu resultado final deve ser a tese de inovação corporativa.

Já digo que começar um pipeline de inovação sem ter como objetivo a criação da sua tese de inovação é perda de tempo e dinheiro. Vou falar mais sobre isso em outro post, mas adianto que é crucial que a tese esteja conectada com a estratégia corporativa. 

Quer saber por quê? É simples. Apenas quando a empresa determina qual sua ambição em relação à inovação é que ela pode criar um roadmap acionável para colocar seu plano em execução. Além disso, pode estabelecer seus horizontes de inovação com foco nos objetivos ou nas dores do negócio.

Como construir um pipeline de inovação moderno

Um pipeline de inovação moderno tem três grandes etapas: validação, clarificação e sincronização. Vamos falar mais detalhadamente sobre cada etapa, mas você pode ter uma ideia geral do que cada uma engloba observando a imagem abaixo. 

gráfico pipeline de inovação

1. Validação

O primeiro passo dentro de um pipeline de inovação é a validação. Nesta etapa, o objetivo é trazer pensamento crítico para o processo de inovação. A ideia é verificar se a dor ou a oportunidade em questão tem impacto sobre toda a organização – e não apenas sobre um time. 

É nesta fase que a inteligência para inovação tem papel crucial. Aqui, é feita uma análise detalhada do mercado de inovação. Também é feito um levantamento do ecossistema interno de inovação. As soluções existentes ou planejadas são comparadas com o ambiente externo de inovação. O intuito é gerar aprendizados, criar pensamento crítico e reduzir a “paixão” por ideias iniciais.

Os principais pontos de inteligência para inovação analisados aqui são:

  • tendências;
  • investidores;
  • competidores;
  • tecnologias;
  • startups com soluções atraentes;
  • maturidade do ecosistema externo.

Conduzir a validação com base em inteligência para inovação pode economizar enormes quantias de dinheiro para a corporação.

2. Clarificação

Na fase de clarificação é que são definidos os cases de uso inicial, o plano de entrega do projeto e o plano de desenvolvimento do produto. Este último a empresa pode desenvolver internamente, investindo em startups ou tornando-se clientes delas, o que vai depender da maturidade do player e da oportunidade apresentada.

Também é neste momento que os times de negócios inovação examinam em detalhes a solução oferecida para ter certeza que de que ela resolve os principais pain points e frictions do processo. 

Os dois times devem ser capazes de identificar um workflow em que a solução tenha utilidade clara e KPI definidos. É preciso avaliar se vale a pena investir tempo e dinheiro na ideia e construir potenciais cases para MVP ou PoC.

3. Sincronização

A sincronização tem como objetivo sincronizar o plano funcional de suporte com o plano de investimento no projeto. Nesta fase, a execução é detalhada em blocos de trabalho que devem estar alinhados aos objetivos estratégicos.

Existem alguns elementos cruciais para a que sincronização tenha sucesso dentro da empresa:

  • alinhamento com o sponsor do projeto de inovação para que o projeto seja visto como relevante e tenha apoio de desenvolvimento corporativo;
  • definição da fonte de mão de obra (interna, externa ou mista);
  • incentivos para players internos colaborarem;
  • entendimento do ritmo da operação e métricas das áreas de negócio para determinar o timing da sincronização;
  • decisão de produzir internamente ou usar startups;
  • escolha do champion do projeto na área de negócios.

O último passo do processo é desenhar um roadmap para escalar a solução quando o processo inicial de sincronização for bem sucedido.

Quais são os principais benefícios dos projetos de inovação

Ao criar um projeto de inovação na empresa você pode esperar que ele traga algumas possibilidades importantes. Listei abaixo as principais delas: 

  • desenvolver e lançar um novo produto em um mercado existente;
  • desenvolver e lançar um novo produto em um mercado adjacente;
  • preparar a empresa para um mercado futuro ou modelo de negócios que seja transformacional para a empresa/indústria;
  • melhorar processos existentes;
  • encontrar e reter talentos da empresa;
  • ter a liderança da empresa reconhecida como inovadora.

Se quiser saber como acelerar a transformação digital da sua empresa com startups, entre em contato comigo pelo contact@innovationintelligence.ai. Eu e meu time teremos prazer em ajudar!